sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

Teologia


Teologia revela o homem encolhido pelo medo,
escondido pela culpa,
camuflado pela hipocrisia,
dividido em seus desejos,
extenuado pela violência,
enrolado pela apatia,
engessado pela covardia,
encoberto pela cinza da frustração e recoberto pelos impulsos da perversão. Ora arrastando-se como verme,
ora arrojando-se como bravo,
brigando como selvagem,
bradando como desesperado,
construindo como artista, destruindo como tirano.
Mestre da palavra e herege da intenção,
ardendo como labaredas da verdade e rolando como bagaço da mentira,
acossado pelo vozerío da multidão e vagando pelo deserto de suas lutas solitárias::. (Edmar Jacintho)